Sobre o Abrigo

editado_MG_4062.jpg

A Associação Protetora dos Animais Abrigo Flora e Fauna foi fundada em 26 de maio de 2005 por Orcileni Arruda de Carvalho. 

 

O Abrigo acolhe cães e gatos em situação de risco, vítimas de abandono ou maus-tratos. Quando um animal chega aqui, tem quaisquer doenças tratadas, é vacinado, castrado e, após esses processos, fica disponível para adoção. Atualmente, em torno de 900 bichos vivem no Abrigo, cerca de 600 cães e 300 gatos. Ajudamos, ainda, aproximadamente 100 famílias carentes com os cuidados de seus bichinhos, fornecendo castração, ração e tratamento de doenças.

O consumo mensal (aproximado) de ração é de 7 toneladas por mês para os cachorros e 2 toneladas por mês para os gatos.

Além dessas despesas, o Abrigo também precisa de recursos para idas ao veterinário, medicação, castração, vacinação e produtos de limpeza para os canis e gatis, sem falar nas contas de água, utilizada para o consumo e a limpeza dos animais.

 

Precisamos da sua ajuda para continuar com nosso trabalho, afinal o Abrigo não possui fins lucrativos ou auxílio do governo, nem é financiado por empresas privadas. A instituição é mantida exclusivamente por meio de doações e de trabalho voluntário.

 

Contamos com o apoio da população para receber doações e também fazer a adoção consciente de animais, proporcionando-lhes amor, saúde e conforto. Desta forma, o Abrigo poderá continuar salvando centenas de vidas.

Estamos superlotados!

Abandono e maus tratos de animais é crime.

Lei 9.605/98 Artigo 32

Denuncie sempre!

Orcileni Arruda

WhatsApp Image 2019-10-26 at 20.28.49.jp
Orcileni Arruda de Carvalho, nascida em Brasília em 21/01/1965, fundou a ONG Associação Protetora dos Animais Abrigo Flora e Fauna em 26 de maio de 2005, no Gama, cidade localizada no entorno da Capital Federal. Quando criança, Orcileni recolhia tantos cachorros e gatos para cuidar em casa que sua mãe não a permitia ficar com todos. Frustrada com as proibições, ela dizia para si mesma: “quando eu for adulta, terei uma casa cheia de cachorros e gatos”. E não é que a profecia de Orcileni se concretizou?

 

Já morando sozinha, ela começou a abrigar dezenas de animais que encontrava abandonados na rua. Chegou, um dia, a 50 bichos, quantidade muito grande para aquela casa e que começou a incomodar a vizinhança. Então Orcileni decidiu fazer uma proposta para sua mãe (que morava em um terreno espaçoso e isolado): que as duas trocassem de casa. E sua mãe aceitou! 

 

Orcileni se mudou para o grande terreno junto com os 50 bichos e foi assim que teve início a história do Abrigo Flora e Fauna. Com o passar do tempo, alguns voluntários e outras centenas de animais passaram a fazer parte do Abrigo e o transformaram no que ele é hoje.

"Minha vida é esse abrigo, vivo por esses animais, busco para eles uma chance de ter uma vida sem sofrimento. Para aqueles que conseguem sair eu só desejo coisas maravilhosas e para os que ficam, eu darei o meu melhor por eles."