Apadrinhamento

Para quem se interessa por apadrinhar um animalzinho o procedimento é simples, basta estar disposto a assumir essa responsabilidade pelo animal, isso inclui: ajudar nas medições, cirurgias, castração, levar para passear, brincar, dar muito amor e carinho. E aí, só entrar em contato com o Abrigo e pedir permissão para Orcileni. E aí, já pensou em apadrinhar um bichinho?

Guilherme e Bombom

Como você conheceu o abrigo?

Após longa pesquisa sobre ONGs sérias no DF, resolvi entrar em contato por meio do Instagram e, consequentemente, fui aceito como voluntário do abrigo Flora e Fauna;

 

Como foi seu primeiro contato com a Bombom?

Em uma das minhas visitas para trabalhar no abrigo, fiquei simplesmente encantado com a Bombom, principalmente pelo seu sorriso (seus dentinhos são todos tortos e eu acho isso um charme). Posso dizer, inclusive, que foi amor à primeira vista! Além de não andar mais devido a um atropelamento, Bombom estava prenha. Mesmo diante a tantas dificuldades, todas as vezes que eu chegava perto dela, ela vinha rastejando para o meu lado, encostava seu rosto no meu colo e começava a gemer de tanta alegria por eu estar ali do lado dela. Para ela, não importava quem eu era ou o que eu tinha, pois o que ela mais queria de mim era gratuito, ela só queria o meu amor;

O que fez você decidir apadrinhar? Adotar seria complicado?

Resolvi apadrinhar a Bombom por saber que ela é uma cachorrinha que precisa de cuidados especiais. Para mim, não seria possível adotá-la por conta da minha profissão(comissário de voo). Muitas vezes, preciso ficar quatro ou cinco dias longe de casa. Seria impossível dar toda a assistência que ela precisa mediante a esse contexto;

 

Como é ser padrinho de um cachorro em um abrigo?

Ser padrinho de um animalzinho é sinônimo de responsabilidade. Por exemplo, se o animal tiver de passar por alguma cirurgia ou tiver de tomar alguma medicação, é incumbência do padrinho providenciar todos os cuidados necessários;

 

Qual é o processo para apadrinhar um animal do abrigo?

Basta estar disposto a assumir esse tipo de responsabilidade e pedir a permissão da Orcilene, dona do abrigo.

Siga a gente
  • Abrigo Flora e Fauna
  • Abrigo Flora e Fauna
  • Abrigo Flora e Fauna
  • Abrigo Flora e Fauna